Mossoró: vacinação dos idosos de 75 a 79 anos será iniciada na segunda-feira (15)

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp

Mossoró deverá receber nesta sexta-feira (12), mais um lote de vacinas contra a Covid-19. Desta vez, o público a ser contemplado é o dos idosos de 75 a 79 anos de idade, cuja vacinação será iniciada na segunda-feira (15).

Diante da pouca quantidade de doses destinadas ao Rio Grande do Norte, apenas 43.200 doses, o quantitativo reservado para Mossoró é de apenas 1.420 doses para a primeira aplicação e 610 para a segunda dose dos idosos de 80 a 84 anos.

Este público foi vacinado recentemente, porém, a imunização precisa ser renovada 28 dias após o recebimento da primeira dose da Coronavac.
“Essas vacinas são importantes para que a campanha de vacinação não sofra interrupção e mais idosos possam ser imunizados em obediência ao plano de escalonamento etário em vigor”, disse Etevaldo Lima, coordenador de imunizações.

Foto: Wilson Moreno (PMM)

Tipos de vacina

No caso de Mossoró, são 1.050 doses da Coronavac/Butantan, além de 370 doses da vacina de Oxford produzida pela farmacêutica Astrazeneca/Fiocruz e 610 doses para segunda dose.

As vacinas chegam primeiro à Natal onde está situada a Unidade Central de Agentes Terapêuticos (UNICAT) e depois é realizada a distribuição para os municípios do interior potiguar.

Fase atual perto de ser concluída

Na atual fase da vacinação, estão sendo imunizados até a próxima sexta-feira (12) os idosos da faixa etária dos 80 a 84 anos. No entanto, o idoso que está situado em faixas etárias já contempladas, mas que por alguma razão, não foi vacinado, ele pode procurar ou contactar a qualquer tempo a Unidade Básica de Saúde mais próxima.

A superação de Dona França

Após ficar mais de 20 dias internada em um leito de UTI no Hospital de Campanha São Luiz, em Mossoró, a aposentada Francisca Maria da Conceição Braga, de 82 anos, é um exemplo de superação. Ela venceu a Covid-19, mesmo tendo sido entubada duas vezes.
Na última terça-feira (09), Dona França, como ela gosta de ser chamada, foi até a UBS Dr. Ildone Cavalcante de Freitas, no bairro Barrocas e recebeu a sua dose da vacina contra a doença. “Estou muito feliz por estar viva para contar essa história e estou mais contente ainda por receber a vacina”, diz ela emocionada.