Chuva forte invade casas, abre cratera e causa alagamentos em vários pontos de Natal

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp

As fortes chuvas que caíram desde a noite de quarta-feira (12) até a manhã desta quinta-feira (13) causaram alagamentos em vários pontos de Natal, de acordo com informações da Secretaria de Mobilidade Urbana. A água também invadiu casas em alguns bairros da capital. Em Neópolis, um carro caiu em um buraco que se abriu na rua Sebastião Barreto.

Em 12 horas, o Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden) registrou 79.9 milímetros de chuvas somente em um dos pontos de monitoramento da cidade, no bairro Nossa Senhora da Apresentação, na Zona Norte. No mesmo período, foram 51 mm em Ponta Negra, na Zona Sul.

Rua alagada no bairro Planalto em Natal — Foto: Lucas Cortez/Inter TV Cabugi

Devido aos alagamentos e também semáforos quebrados, o transporte público sofreu atrasos em toda cidade, durante a manhã, de acordo com a STTU. A Companhia de Energia do Rio Grande do Norte registrou a queda de uma arvore sobre a rede elétrica, ainda no início da manhã no bairro Candelária. O problema foi resolvido às 7h53.

A Lagoa de Santarém transbordou em invadiu casas no conjunto da Zona Norte de Natal. Outra lagoa que transbordou foi a do Panatis, na mesma região da cidade. Nesse ponto, era possível ver muito lixo boiando na água.

No bairro Planalto, na Zona Oeste, a água também entrou nas casas da Travessa Engenheiro Marcos Augusto. Um dos imóveis foi o de Rafaela de Oliveira da Silva, de 22 anos. “Muito triste isso aqui. Começamos a limpar a casa às 5h”, disse.

Em comunicado publicado ainda nesta quarta-feira (12), o Inmet alertou para fortes chuvas na capital e mais de 40 cidades potiguares, com possibilidade de chuvas entre 50 e 100 milímetros. O instituto orientou a população a observar alteração nas encostas e, se possível, desligar aparelhos elétricos e quadro geral de energia. Em caso de situação de inundação, ou similar, o órgão recomenda proteger os pertences da água envoltos em sacos plásticos.

Buraco abriu durante a chuva na rua Sebastião Barreto, no bairro Neópolis em Natal — Foto: Cedida